Caboclo - Repositório Institucional UFRB CCAAB - Centro de Ciências Agrárias, Ambientais e Biológicas CCAAB - Cursos de Graduação CCAAB - Bacharelado em Medicina Veterinária - TCC
Please use this identifier to cite or link to this item: http://ri.ufrb.edu.br/jspui/handle/123456789/2089
metadata.dc.type: Trabalho de Conclusão de Curso
metadata.dc.degree.level: Bacharelado
Title: Malformações em pequenos ruminantes no Semiárido da Bahia causados por Poincianella pyramidalis (Tul) L.P Queiroz
metadata.dc.creator: Marcelino, Sóstenes Apolo Correia
metadata.dc.contributor.advisor1: Pimentel, Luciano da Anunciação
metadata.dc.contributor.referee1: Oliveira Filho, José Carlos de
metadata.dc.contributor.referee2: Perinotto, Wendell Marcelo de Souza
metadata.dc.description.resumo: O semiárido nordestino é bastante singular por seu clima e sua vegetação. Dentre as atividades econômicas exercidas nesse cenário a caprinovinocultura merece destaque. Essa atividade é fundamentada no regime extensivo de criação. Nesse sistema a principal fonte de alimentação animal é o livre acesso à vegetação nativa, mas muitas dessas plantas são tóxicas. Estudos prévios, promovidos pelo Setor de Patologia Veterinária da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (SPV-UFRB), analisaram um surto de malformações em pequenos ruminantes no semiárido baiano. Os resultados das análises apontaram Poincianella pyramidalis (Tul) L.P Queiroz como nova planta com capacidade embriotóxica e teratogênica. O presente trabalho pretende relatar os estudos experimentais que comprovaram a toxicidade de P.pyramidalis em pequenos ruminantes. O experimento em caprinos utilizou 16 cabras, mestiças ou puras das raças Anglo Nubiana e Saanen , pertencentes a uma propriedade da região de Uáuá, divididas em dois grupos de 8 animais. Realizou-se o acasalamento e o acompanhamento ultrassonográfico de gestação. O primeiro grupo (G1) recebeu alimentação exclusivamente de P. pyramidalis, e o segundo (G2), o Cynodon dactylon. As cabras de ambos os grupos tiveram gestação confirmada durante o experimento. No Grupo 1 quatro cabras sustentaram a gestação por período maior que 60 dias, porém apenas três tiveram parto no período normal. Uma das cabras com gestação confirmada deste grupo (70 dias de prenhez) morreu durante o experimento, por causa não determinada, porém seus fetos foram avaliados e apresentavam malformações do globo ocular e dos ossos da cabeça como micrognatia. As outras três cabras pariram seis cabritos no total, sendo que três deles apresentaram malformações ósseas em: membros (artrogripose bilateral), coluna vertebral (escoliose torácica), costelas, esterno, cabeça, além de graves malformações de maxila e mandíbula. Dois dos três cabritos que nasceram aparentemente normais morreram na primeira semana de vida. As outras quatro cabras do grupo 1 tiveram perdas embrionárias. No Grupo 2 (controle) todas as cabras pariram, um total de 13 cabritos, e nenhum apresentou malformações. Nos cabritos com malformações severas foi utilizada, para melhor avaliação, a maceração. Experimentos com ovinos estão em andamento até o presente momento, porém dados parciais demonstram o potencial tóxico teratogênico da planta para ovinos, com casos confirmados de malformações e perdas embrionárias. Desta forma, através dos estudos experimentais pode-se com provara a toxicidade de P. pyramidalis para pequenos ruminantes.
Keywords: Aborto
Malformações
Plantas tóxicas
Teratogenia
Perda embrionária
Pequenos ruminantes
Semiárido (BA)
Abstract: The Northeastern semi-arid region is quite unique because of its climate and its vegetation. Among the economic activities carried out in this scenery, goat and sheep farming deserves attention. This activity is based on the extensive regimen of creation. In this system the main source of animal feed is the free access to native vegetation, but many of these plants are toxic.. Previous studies, promoted by the Setor de patologia Veterinária (Veterinary Pathology Sector) of the Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (Federal University of the Recôncavo da Bahia) (SPV-UFRB), analyzed an outbreak of malformations in small ruminants in the semi-arid region of Bahia. The results of the analyzes indicated Poincianella pyramidalis (Tul) L.P Queiroz as a new plant with embryotoxic and teratogenic capacity. The present work intends to report the experimental studies that confirmed the toxicity of P.pyramidalis in goats and sheep. The experiment in goats used 16 animals, mixed or purebred of Anglo Nubian and Saanen, belonging to a property in the Uuaá region, divided into two groups of 8 animals. Mating was held and ultrasound monitoring of pregnancy was performed. The first group (G1) was fed exclusively from P. pyramidalis, and the second (G2), with Cynodon dactylon. The goats of both groups had confirmed gestation during the experiment. In Group 1, four goats sustained gestation for more than 60 days, but only three had normal calving. One of the goats with confirmed pregnancy of this group (70 days of pregnancy) died during the experiment, of unknown cause, but their fetuses were evaluated and presented malformations of the eyeball and the bones of the head consistent with micrognathia. The other three goats gave birth to six goats in total, three of which presented bone malformations in limbs (bilateral arthrogryposis), vertebral column (thoracic scoliosis), ribs, sternum, head, and severe malformations of the maxilla and mandible. Three kids apparently were born normal two of those died in the first week of life. The other four goats in group 1 had embryonic losses. In Group 2 (control) all goats parted, a total of 13 kids, and none presented malformations. In kids with severe malformations maceration was used for better evaluation. Experiments with sheep are still in progress to the present date, but partial data demonstrate the potential toxicity teratogenic effect of the plant for sheep, with cases of malformations and embryonic losses. Thus, through with experimental studies, the toxicity of P. pyramidalis can be proved for small ruminants.
metadata.dc.subject.en: Abortion
Malformations
Toxic plants
Teratogeny
Embryonic loss
Small ruminants
Semi-arid (BA)
Publisher: Universidade Federal do Recôncavo da Bahia
metadata.dc.publisher.department: CCAAB - Centro de Ciências Agrárias, Ambientais e Biológicas
Issue Date: 27-Jan-2017
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::MEDICINA VETERINARIA::CLINICA E CIRURGIA ANIMAL::TOXICOLOGIA ANIMAL
CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::MEDICINA VETERINARIA::REPRODUCAO ANIMAL::FISIOPATOLOGIA DA REPRODUCAO ANIMAL
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
URI: http://ri.ufrb.edu.br/jspui/handle/123456789/2089
Appears in Collections:CCAAB - Bacharelado em Medicina Veterinária - TCC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Malformacoes_Pequenos_Ruminantes_TCC_2017.pdf1,82 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.